Uma das melhores maneiras de se perder peso em geral é fazendo exercícios cardio-vasculares. Porém aqueles que desejam perder peso especificamente na cintura, precisam fazer coisas mais direcionadas. Entram os exercícios para os músculos abdominais.

Os exercícios abdominais infelizmente podem ser mais difíceis do que os cardio-vasculares. Ficar numa esteira por 30 minutos, qualquer um consegue, a não ser que esteja morbidamente acima do peso. Porém fazer 30 minutos de abdominais, mesmo que seja dos mais simples, pode ser uma atividade relativamente difícil.

Com essa dificuldade aparece a dor. Conforme você faz os exercícios, seus músculos vão sendo estimulados além do normal e as fibras são sendo rompidas. Isto é bom, pois é exatamente esses “danos” aos seus músculos que fazem com que eles sejam reparados posteriormente mais fortes. E é claro, enquanto isso sua gordura vai sendo queimada.

Agora, você já ouviu aquela velha frase das academias: “No pain, no gain”?

Pois é, essa frase é a mais pura verdade. Para perder barriga, alguma dor irá aparecer. É inevitável. Não existirá crescimento dos músculos, sejam os abdominais ou outros, se eles não forem estimulados o suficiente. Se esforce pouco e você estará apenas perdendo tempo. Se esforce demais e os seus músculos passarão do ponto de estimulação e os resultados diminuirão.

Portanto, não, não tem como perder a barriga sem dor. Nem sem esforço, sem dedicação ou outra coisa do tipo. Porém, as coisas não precisam ser tão ruins assim. Na área dos exercícios abdominais, felizmente existe uma vantagem: A Lei de Pareto.

Ela diz que 20% dos esforços geram 80% dos resultados e os outros 80% de esforços geram apenas 20% de resultados restantes. Quem quer perder barriga com velocidade, segurança e eficiência poderá descobrir quais exercícios geram os 80% de resultados com apenas 20% dos esforços e assim, perder sua barriga da maneira mais rápida e menos dolorosa o possível.

By admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *